4 de junho de 2009

Decisão russa chega num momento de sufoco

A reabertura do mercado russo à carne suína de Santa Catarina havia sido anunciada em março passado, mas somente agora vai se tornar uma realidade comercial. Esta é a notícia mais aguardada nos últimos tempos pelo agronegócio catarinense: depois de quatro anos criando barreiras e empecilhos, a Rússia anunciou ontem, em Moscou, que fechará em uma semana os primeiros negócios para comprar, efetivamente, carne suína barriga-verde.

“A decisão russa chega num momento de sufoco, quando as agroindústrias detêm mais de 30.000 toneladas em estoques somente em território catarinense”, festeja o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc), José Zeferino Pedrozo.

O vice-presidente da Faesc, Enori Barbieri, avalia que, num primeiro momento, as aquisições russas não aumentarão: o que ocorrerá é que, em lugar de comprar 100% da carne do Rio Grande do Sul, como acontece agora, a Rússia dividirá a cota com Santa Catarina. O presidente da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc), Marcos Antônio Zordan, é mais otimista e prevê que os russos aumentarão o volume das compras porque “eles sabem que temos a melhor e a mais barata carne suína do mundo”.

A situação estava ficando insustentável, de acordo com os dirigentes. No mercado doméstico, o consumo caiu até 75% em alguns centros urbanos em decorrência da errônea associação da influenza A, indevidamente chamada de gripe suína, com a carne de porco. “O consumidor ficou com medo e parou de consumir”, explica Zordan.

No mercado mundial, o volume de consumo é normal, mas os preços despencaram 50% e a tonelada, que era vendida a US$ 3.000 caiu para US$ 1.500. A crise de preço ficou ainda pior com a desvalorização do dólar, o que achatou ainda mais os ganhos da indústria exportadora brasileira.

O presidente da Coopercentral Aurora, Mário Lanznaster, prevê que, agora, poderá começar uma lenta recuperação do setor: os preços praticados com os criadores vão parar de cair e o produto voltar, paulatinamente, a se valorizar. Observou que “será um processo demorado, lento e gradual”.

O diretor de mercado interno da Abipcs, Jurandir Machado, disse que a Rússia enviará um veterinário para revisar as plantas (indústrias), não sendo necessário missões técnicas, pois as unidades industriais já foram vistoriadas e aprovadas no passado.

Atualmente, o Estado produz 750.000 toneladas por ano e pode destinar a maior parte para o mercado mundial. O último ano em que Santa Catarina exportou para a Rússia foi em 2005 e chegou a 250.000 toneladas por ano, enquanto as exportações brasileiras totalizavam 400.000 toneladas. Daquele ano em diante, a Rússia deixou de comprar carne catarinense, embora continuasse importando do Rio Grande do Sul. Em 2008,o Brasil exportou 600.000 toneladas, 45% para a Rússia. Em 2009 deve exportar 700.000 toneladas, 50% para a Rússia.

“De forma injusta, Santa Catarina não participou desta festa”, lamenta Pedrozo, lembrando que, em 2008, as vendas para a Rússia somaram 225,79 mil toneladas, num total de US$ 741,52 milhões, uma queda de 18,99% em volume e 11,08% em valor, ante igual período de 2007. O maior fornecedor para o mercado russo foi o Rio Grande do Sul. Considerados todos os mercados (e não apenas a Rússia), as exportações brasileiras totais de carne suína do ano passado atingiram um resultado histórico em divisas econômicas: o país exportou US$ 1,48 bilhão (crescimento de 20%) chegando a 529,41 mil toneladas (77 mil a menos que em 2007).

Por: Marcos A. Bedin
MB Comunicação
Assessoria de Imprensa
(49) 3323-4244, (49) 9967-4244
mb@mbcomunicacao.com.br

Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 4 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog