5 de agosto de 2011

Ah, meu Delzio!

Uma garotinha de apenas um ano de idade é uma das mais novas sensações na web. Um dos vídeos da pequena Giulia Soncini já passou das 300 mil visualizações até o momento. Ao que parece, a precoce falante foi repreendida por riscar a parede da casa, mas foi ter com o Papai Noel ao telefone. Ao Bom Velhinho, Giulia relatou que a arte não foi ela quem fez, mas sim o "bicho", e pede a caneta de volta. Fala sério para o Noel que não é para ele brigar com ela. Veja o vídeo e diga se não é uma gracinha.

Leia Mais ►

2 de agosto de 2011

O veneno está na mesa

No último dia 25 de julho foi lançado o documentário "O veneno esta na mesa", do cineasta Svenenona mesailvio Tendler. O documentário denuncia a problemática causada pelos agrotóxicos, e faz parte de um conjunto de materiais elaborados pela Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida.  Vejam os vídeos:

 

Leia Mais ►

31 de julho de 2011

Elefantes nunca esquecem os velhos amigos

Quando se trata de relacionamentos, parece que alguns elefantes são especialistas. Principalmente os elefantes asiáticos são os que mais se lembram dos velhos amigos e tem uma rede social de maior do que os cientistas pensavam anteriormente, pelo menos é o que mostrou mais um estudo.

Os pesquisadores também descobriram que, assim como os seres humanos, alguns elefantes são borboletas sociais, enquanto outros preferem se ater a um grupo muito unido e restrito. Estudos anteriores sugeriam que os elefantes geralmente vivem em pequenos grupos, centrado em torno de fêmeas e seus filhotes, enquanto os machos adultos vivem de forma independente. No entanto, o estudo constatou que, embora os machos vivam separados das fêmeas e seus filhotes, eles também tem uma complexa rede de amigos, parentes e conhecidos normalmente só observadas em seres humanos.elefantes

O autor do estudo, Dr. Shermin de Silva, da Universidade da Pensilvânia, disse: "Os elefantes são capazes de controlar um ao outro ao longo de grandes distâncias chamando uns aos outros e usando o seu olfato. Assim, o rebanho de elefantes que se vê em um determinado momento é muitas vezes apenas um fragmento de um grupo social muito maior. Nosso trabalho mostra que eles são capazes reconhecer os seus amigos e renovar esses laços, mesmo depois de ficarem separados por um longo tempo."

O estudo também descobriu que alguns são mais sociáveis ​​do que outros e aqueles que tinham poucos amigos tendem a ser mais leais a estes. O estudo, também descobriu, que as ligações são mais fortes durante a estação de seca e sugeriu  que estas redes sociais ajudam a proteger o abastecimento de água e comida. Isto é muito importante pois os elefantes comem durante 16 horas todos os dias e bebem até 50 litros de água.

Os elefantes se comunicam entre si usando uma espécie de resmungo muito baixo que o homem não consegue ouvir, mas estes resmungos, são ouvidos por outros elefantes em até seis quilômetros de distancia.

Fonte: Mail Online

Leia Mais ►

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 2 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há uma semana
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog