30 de abril de 2009

Incêndio destrói parcialmente indústria de leite - Veja as fotos

Um incêndio de grandes proporções destruiu parcialmente, nesta quinta-feira, 30, uma das mais modernas a avançadas indústrias de processamento de leite do país, pertencente à Coopercentral Aurora (Aurora Alimentos), localizada no município de Pinhalzinho, no oeste de Santa Catarina. Os prejuízos atingem 50 milhões de reais e a indústria ficará quatro meses paralisada.foto1

De acordo com comunicado distribuído pela Assessoria de Imprensa da Aurora, o fogo irrompeu às 11h15 da manhã no setor que concentra o principal núcleo de industrialização – fabricação de queijos, sala de fatiamento, câmara de estocagem, concentração de soro, pasteurização e elaboração de requeijão e manteiga, almoxarifado e sala de embalagens – e consumiu totalmente uma área de 6.000 metros quadrados. A área total da planta é de 40.000 metros quadrados.

foto2

O fogo ultrapassou a 1.000 graus e danificou duramente o ambiente construído com aço, concreto, telhas e paredes térmicas. As chamas se elevaram a 20 metros acima do solo. As instalações físicas e os equipamentos foram completamente destruídos, causando um prejuízo de 50 milhões de reais.

foto3

O Corpo de Bombeiros mobilizou 10 viaturas e 30 homens das guarnições de Pinhalzinho, Chapecó, Modelo, Cunha Porã e Maravilha, o que permitiu controlar e extinguir o fogo às 12h30. Apesar da rápida ação dos bombeiros, o prejuízo foi elevado porque o material usado nas instalações – forros e divisórias de isopainéis – é suscetível de combustão.

foto4

A perícia técnica para determinar as causas do incêndio inicia hoje e ficará concluída nas próximas semanas. Uma das hipóteses é de curto-circuito, mas todas as possibilidades serão investigadas.

foto5

O presidente Mário Lanznaster informou que a unidade permanecerá paralisada por 120 a 150 dias, quando voltará a funcionar parcialmente. Recuperação total somente em 2010 porque a área destruída levará 12 meses para ser reconstruída e retomar a produção. Ali funcionavam equipamentos importados de última geração que dependem de negociação, aquisição e importação.

A indústria da Coopercentral Aurora é totalmente automatizada e emprega 329 trabalhadores. No momento do sinistro, trabalhavam na unidade 130 pessoas, mas nenhuma delas ficou ferida.

Nos próximos quatro meses, os 600.000 litros de leite que a Aurora recebia e processava diariamente serão transferidos para empresas parceiras e/ou comercializados diretamente no mercado.

foto6

A unidade da Coopercentral Aurora é considera a maior e mais avançada indústria de produtos lácteos do país. A planta está instalada à margem da BR-282, no município de Pinhalzinho (SC), com capacidade inicial de processamento de 600 mil litros de leite por dia, passando a 2 milhões de litros/dia no fim de 2009. O investimento total atinge R$ 160 milhões de reais.

foto7

A indústria ainda está em obras, pois a segunda fase entra em operação no segundo semestre deste ano, quando estará concluído o sistema de produção de leite em pó (somente para secagem serão utilizados 650.000 litros/dia e 750.000 litros/dia de soro). Nessa fase, a recepção diária estará em 2 milhões de litros e o número de empregos em 370 diretos.

 

Texto e fotos por:

Marcos A. Bedin
MB Comunicação
Assessoria de Imprensa
(49) 3323-4244, (49) 9967-4244
mb@mbcomunicacao.com.br

Blog Widget by LinkWithin

4 comentários:

  1. É sempre muito triste uma tragédia desse porte, muitas pessoas são atingidas.

    ResponderExcluir
  2. É uma pena um sinistro desta proporção. Numa época de crise, é lamentável. O meu desejo é que empresário e funcionários superem este triste momento. Minha torcida é para que eles voltem com tudo antes do tempo estimado.
    Belo apanhado de tudo! Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Incêndios são realmente terríveis. Senão forem controlados a tempo destroem tudo em questão de minutos. Uma pena que muita coisa se perdeu. Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Que coisa. Logo numa cooperativa. Mas, o mesmo cooperativismo fará com que a Aurora logo se restabeleça. Ninguém se machucou nessa, Luiz? Abraços

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 4 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog