20 de abril de 2009

Carambola, uma fruta multifinalitária

A carambola é uma fruta originária da Ásia, de cor verde ou amarela e sabor agridoce. A caramboleira é uma árvore de pequeno porte, é bastante usada na ornamentação de quintais e jardins. A fruta é bastante consumida na China, principalmente na fabricação de sobremesas. Foi introduzida no Brasil em 1817, no Estado de Pernambuco.


O cultivo da carambola é indicado em regiões de clima quente e úmido. Em torno de 4 anos, a árvore já começa a dar os primeiros frutos. Uma caramboleira pode durar cerca de 50 a 70 anoscarambola250. A fruta possui um formato semelhante ao de uma estrela, por isso também é conhecida como star fruit. A carambola possui cinco gomos e uma polpa de consistência rígida. A fruta é encontrada na grande maioria das vezes, em pomares pequenos, quintais e sítios, seu cultivo não é feito em escala.

Rica em ferro, a Carambola é recomendada pelo seu efeito laxante e auxilia na prevenção do aumento do nível de colesterol no sangue. Também possui grande quantidade de sais minerais (cálcio e fósforo) e vitaminas A, C e do complexo B. A carambola é uma fruta febrífuga (que serve para combater a febre), antiescorbútica (cura a doença escorbuto - carência de vitamina C que se caracteriza pela tendência a hemorragias) e, devido ao alto grau de ácido oxálico, estimula o apetite.


Seu suco, além de possuir um delicioso sabor, é usado para tirar manchas de ferro, tintas e ainda limpar metais. Sua casca, por possuir alto teor de tanino, possui poder adstringente e pode prender o intestino, razão pela qual se aconselha a consumir os frutos bem maduros. A polpa pode ser utilizada na preparação de sucos, sorvetes, vinhos, licores ou doces.

Doentes renais não podem comer carambola

A carambola é saudável, boa e rica em vitamina C, e só faz mal às pessoas que tenham insuficiência renal. Uma pesquisa iniciada em 1996 na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo (USP), descobriu que a carambola possui uma neurotoxina (só atua no sistema nervoso) que pode levar os doentes renais crônicos à morte.

A neurotoxina da carambola, ingerida por uma pessoa normal que come a fruta, é absorvida pela digestão, filtrada pelo rim e excretada, sem sintomas. Mas, se o rim não funciona, essa toxina é absorvida, concentra-se no sangue, atinge os neurônios em concentração maior e provoca soluços e convulsões.

Fontes de Pesquisa: Brasil Escola, Folha de Contagem e Sociedade Brasileira de Nefrologia

Blog Widget by LinkWithin

5 comentários:

  1. Por incrível que pareça, só experimentei Carambola há pouco mais de um ano! Achei uma delícia!! Sabendo agora de todos esses benefícios ela ficou ainda melhor.

    Abração

    ResponderExcluir
  2. EU GOSTARIA DE SABER SE, UMA PESSOA HIPERTENSA, PODE DEGUSTAR A CARAMBOLA.

    ResponderExcluir
  3. A carambola é rica em vitaminas: A, ótima contra infecções, protetora da pele e da visão; vitaminas do complexo B, time da energia, que extrai combustível dos carboidratos, das proteínas e das gorduras dos alimentos; vitamina C, fundamental para a manutenção da saúde, prevenção de resfriados, pressão alta e câncer.

    ResponderExcluir
  4. I quite like looking through an article that can make men and women
    think. Also, thank you for permitting me to comment!

    Also visit my blog post - seo check

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 5 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog