19 de outubro de 2009

Celular pode ser carregado com energia solar

Esta e outras invenções estarão na I Feira do Inventor da Universidade Federal de Santa Catarina

Um interruptor que pode ser acionado sem que o criminoso perceba, alertando policiais ou vigias instalados em viaturas ou guaritas sobre uma ação ou iminência de sequestro, é um dos trabalhos selecionados para a I Feira do Inventor da UFSC, que será realizada paralelamente à Semana do Ensino, Pesquisa e Extensão, entre os dias 21 e 24 deste mês em Florianópolis. O dispositivo, criado por Christian Elias Tanajura Goulart, também pode ser útil em situações de risco envolvendo passageiros de automóveis ou ônibus e donos de casas comerciais, porque aciona um circuito gerador e temporizador de emissão de sinais infra-vermelhos que são captados por câmara de vídeo instalada num monitor em viaturas e sistemas de segurança públicos ou privados.


Outra invenção que promete chamar a atenção é um celular que pode ser carregado com energia solar ou luz artificial. Seu criador, Flávio Crusius Bueno, adaptou uma célula fotovoltaica no aparelho celular móvel, que quando entra em contato com o sol permite o carregamento da bateria.


Já o NinarBaby é um banco que permite o balanço vertical dos bebês, simulando a estimulação recebida em útero materno durante a gestação. Por meio de observações empíricas, mas com base em estudos sobre estimulação vestibular, o inventor Emílio Takase constatou que seu uso correto tranqüiliza e acalma o bebê, reduzindo sua irritabilidade e estimulando o sono. Essa resposta foi percebida quando o choro não pôde ser atribuído a desconfortos causados por dor, fome ou febre. “Nessas situações, o NinarBaby age como um instrumento terapêutico”, explica ele.


O estojo prático para higiene bucal, também a ser apresentado na feira, é um kit dental criado por Marcos Antonio Mendes Morais com o objetivo de facilitar a condução e a utilização da escova, do gel e do fio dental pelos usuários no seu dia a dia, no trabalho ou em viagens. E há ainda o cinto salva-vidas, invenção de Arnaldo Braga que permite ao usuário se banhar, se divertir ou trabalhar em águas revoltas sem o perigo se afundar, mesmo não sabendo nadar.


Outra invenção, apresentada por Renato Kieling Junior, consta de uma vara de pescar com espera compreendida de duas varas, uma principal flexível e outra auxiliar rígida e de menor comprimento, que possibilita a pesca e a captura do peixe de forma automática, sem interferência ou cuidado excessivo do pescador, e ainda dotada de dispositivo sinalizador sonoro de captura do peixe, disposto numa das varas.


Se a invenção anterior é um prato cheio para pescadores preguiçosos, o aparelho elétrico engendrado por Maria José de Lima Kurovski para lavar panelas, fogões e grelhas vai fazer a alegria das donas de casa. Trata-se de um modelo de eletrodoméstico de corpo injetado em material plástico, com um formato anatômico em forma de empunhadura, dotado de botão liga/desliga para acionamento de um motor interno cujo eixo, projetado do próprio aparelho, acopla um terminal giratório com material abrasivo, formando um conjunto inteiramente portátil para que o usuário possa, por meio de esponjas, arear peças metálicas de difícil limpeza.


A Feira do Inventor reúne 32 trabalhos selecionados pelo seu ineditismo, possibilidade de inserção no mercado e criatividade. Contar com depósito de patente junto ao Instituto Nacional da Propriedade Intelectual (Inpi) foi requisito obrigatório para participação. Durante a Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFSC, os inventos serão expostos e votados, por mérito técnico e votação popular, e receberão premiações.


Mais informações sobre a Feira podem ser obtidas com Aluizia Aparecida Cadori, fone (48) 3721-9628 e e-mail aluizia@reitoria.ufsc.br. Sobre a Sepex: (48) 3721-9915 e sepex@reitoria.ufsc.br.

Fonte: Paulo Clóvis Schmitz / Jornalista na Agecom/UFSC

Blog Widget by LinkWithin

2 comentários:

  1. Isso sim é uma boa notícia. O meu celular descarrega em poucos dias. Esse celular seria uma boa. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Este novo sistema antisequestros e roubos é sensacional,quando estiver a venda no mercadado sem dúvidas instalarei no meu carro.Me sentirei mais seguro nessa época de tanta violencia.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 4 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog