2 de outubro de 2009

Os riscos do subfaturamento dos imóveis

Escriturar o imóvel por um valor menor ao contratado tem se tornado procedimento comum e regularmente utilizado no mercado imobiliário.

Para isso, os contratantes fazem a transação, de forma pública ou particular, e declaram um valor inferior ao real, onde o comprador efetua o pagamento da diferença por outros meios que não estejam especificados no contrato.

O presidente do Sindicato do Mercado Imobiliário Secovi/Oeste, Paulo Jorge Lise, adverte que essa diferença entre o preço real e o valor declarado corresponde ao subfaturamento, o que é ilícito, já que no âmbito tributário é praticado com o objetivo de reduzir a base de cálculo do tributo. “Ao subfaturar a transação, muitas vezes, com a interveniência profissional ou participação de terceiros, os contratantes distanciam-se da legalidade sem demonstrar discernimento ou conhecimento pleno dos riscos e das conseqüências jurídico-patrimoniais que daí poderão vir”, alerta.

Lise explica que o subfaturamento na transação imobiliária pode caracterizar, entre outros crimes, falsidade ideológica, sonegação de impostos e fraude fiscal. “O comprador do imóvel pode até ser penalizado com a redução patrimonial e a anulação do negócio”, expõe.

O subfaturamento beneficiará ou o comprador do imóvel, a quem compete o pagamento das despesas e dos impostos incidentes sobre a transmissão ou o vendedor que estará sonegando com a redução da base de cálculo do imposto sobre o lucro imobiliário. “Em alguns casos, os dois são beneficiados: o comprador que oculta a origem dos recursos para aquisição do imóvel e o vendedor que reduz a base de cálculo para a incidência do imposto sobre o lucro imobiliário”, argumenta Lise.

O presidente do sindicato orienta que as transações imobiliárias sejam feitas de forma transparente e legal, já que cada vez mais os órgãos competentes dispõe de sistemas modernos capazes de fazer o cruzamento dos dados financeiros e fiscais e a identificação de fraudes fiscais, financeiras e econômicas.

Fonte: Marcos A. Bedin
MB Comunicação Assessoria de Imprensa
(49) 3323-4244, (49) 9967-4244
mb@mbcomunicacao.com.br

Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado.

Postar um comentário

Recomendo

  • Prêmio Olho Vivo Decide Quem é o Vencedor - Dia 27 de março entrega do *Prêmio Olho Vivo*​ *Master 2014* a um dos nove finalistas escolhido pelo Juri Técnico. O evento será no *Black Jack Pub* (Rua ...
    Há 2 dias
  • - Theóphilo Bernardo Zadrozny - *Homem de visão* *Theóphilo Bernardo Zadrozny (foto)** nasceu na cidade de Lodtz (Polônia) em 24 de maio de 1890 e faleceu em 08 de fevereiro 1961. Obse...
    Há 2 dias
  • BOLSO CHEIO - por Júnior Batista politica@blogdacomunicacao.com.br A crise econômica no Brasil aumentou o custo de vida da maioria das pessoas de classe média e baixa. A...
    Há 4 dias
  • Lixeiras de Carro duplas Jasmin Manga - [image: LixCar_LX2478_1] [image: LixCar_LX2476_3] [image: LixCar_LX2475_2] [image: LixCar_LX2473_5] [image: LixCar_LX2366_3]
    Há um ano
  • - O CLÃ PIONEIRO BOB MARLEY participou nos dias 12 e 13 de Outubro, junto a Rede de jovens - Santa Catarina em conjunto com os facilitadores da metodologia O...
    Há um ano

Arquivo do Blog