11 de novembro de 2009

Dia Mundial do Diabetes: Cuidado com a visão

Em 14 de novembro é comemorado o Dia Mundial do Diabetes. A data foi definida pela Federação Internacional de Diabetes (IDF), entidade vinculada à Organização Mundial da Saúde (OMS), e introduzida no calendário em 1991, como resposta ao alarmante crescimento do diabetes em todo o mundo.


Em 2007, a Assembléia-Geral da ONU aprovou a Resolução nº 61/225, considerando o diabetes um problema de saúde pública e conclamando os países a divulgarem esse dia como forma de alerta e os governos a definirem políticas e suporte adequados para os portadores da doença.

O diabetes, é uma doença provocada pela deficiência de produção ou de ação da insulina, possui duas facetas: aos que se desconhecem portadores ou não se cuidam, mais cedo ou mais tarde ela apresenta sintomas e complicações. Já aqueles que são devidamente assistidos por endocrinologistas ou equipes multidisciplinares e seguem as orientações, há a possibilidade de viver bem e muito apesar do diabetes.

A patologia pode conduzir à perda parcial ou total da visão. Isso ocorre a partir do desendiabetesbluecirclevolvimento de pequenas lesões com sangramento na retina. A Retinopatia Diabética é caracterizada por alterações vasculares. São lesões que aparecem na retina, podendo causar pequenos sangramentos e, como conseqüência, a perda da acuidade visual. Exames de rotina (como o “fundo de olho”) podem detectar anormalidades em estágios primários, o que possibilita o tratamento ainda na fase inicial do problema. Hoje, a Retinopatia é considerada uma das mais freqüentes complicações crônicas do diabetes, junto com a Catarata.

O tratamento com a fotocoagulação (realizado com raio laser) tem demonstrado bons resultados na prevenção da perda visual e na terapia de alterações retinais. É indicado para edema de mácula e em situações com hemorragia, tração vítreo-retiniana e descolamento de retina. Naturalmente, estes procedimentos devem ser indicados e realizados pelo médico oftalmologista.

O portador de diabetes pode levar uma vida normal. O mais importante é manter o controle glicêmico dentro das metas estabelecidas. Para isso, a adoção de bom padrão alimentar, a realização de atividade física regular e o uso correto das medicações prescritas pelo médico assistente são fundamentais. Para um monitoramento da saúde, os pacientes devem visitar seu endocrinologista periodicamente. Além da avaliação clínica, usualmente são realizados exames de glicemia, hemoglobina glicosilada, colesterol, controle da pressão, entre outros. E para o acompanhamento retiniano adequado, o ideal é realizar uma avaliação oftalmológica com verificação do fundo de olho anualmente.

 

Para saber mais acesse: Federação Internacional de Diabetes  e Sociedade Brasileira de Diabetes

Fontes de pesquisa: Sociedade Brasileira de Diabetes, Portal da Saúde

Blog Widget by LinkWithin

Um comentário:

  1. Essa é uma doença terrível e é preciso mais divulgação para as pessoas tomem os cuidados necessários.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 5 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog