24 de outubro de 2008

Cinema

Co-Produção Cinematográfica

Ministros da Cultura do Brasil e da Itália assinam acordo internacional

Foi assinado na manhã desta quinta-feira, 23 de outubro, o Acordo de Co-Produção Cinematográfica Brasil/Itália, pelos ministros da Cultura dos dois países, Juca Ferreira e Sandro Bondi, respectivamente. A cerimônia aconteceu na sede do Ministério da Cultura da Itália, em Roma, no âmbito do Festival Internacional de Cinema de Roma. O novo documento substitui o acordo anterior, assinado em 1970.

O ministro Juca Ferreira disse que o objetivo do acordo, mesmo após décadas de bom relacionamento com a Itália, vai muito além da atualização dos termos ou da adaptação das cláusulas antigas às práxis atuais: “estamos nos posicionando no mundo contemporâneo da co-produção cinematográfica, priorizando parcerias de longa data”.

Ressaltou ainda que, historicamente, tanto o cinema italiano quanto o brasileiro atravessaram crises, “e talvez isso ajude a explicar o motivo de nossas co-produções, durante muitos anos, terem sido tão raras”. O ministro citou dois filmes que foram recentemente co-produzidos com a Itália como Estômago, de Marcos Jorge, e Terra Vermelha (Birdwatchers), de Marco Bechis. “Temos muito orgulho dessas obras, queremos ver mais filmes deste nível em nossas telas, filmes que demonstram a criatividade conjunta de italianos e brasileiros”, declarou.

O novo texto, negociado entre a Agência Nacional do Cinema (Ancine) e a Direção Geral do Cinema da Itália, prevê que a participação mínima de co-produção de cada país passa de 70-30%, para 80-20%. Isso quer dizer que a contribuição dos co-produtores não pode ser inferior a 20% e nem superior a 80% do total dos custos de produção.

Permite também que as participações sejam exclusivamente via aportes em dinheiro, desde que na mesma proporção de no mínimo 80-20%, o que possibilita a realização de co-produções financeiras - sem a participação obrigatória de artistas e técnicos de cada país.

Foco Brasil - Além da assinatura do acordo, o Festival Internacional de Cinema de Roma - de 22 a 31 de outubro - na capital italiana, traz uma programação que abre espaço para cinema, artes plásticas, música e literatura brasileiras. Este ano, o Festival trouxe em destaque a produção cinematográfica brasileira, o Foco Brasil, que contará com pré-estréia de dez filmes nacionais e debates sobre o cinema brasileiro. Saiba mais.

(Texto: Narla Aguiar, Comunicação Social/MinC)
(Fonte: SAv/MinC e DRI/MinC)


BlogBlogs.Com.Br
Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há 5 dias
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog