28 de dezembro de 2011

Festas de fim de ano: Barulhos nos condomínios podem trazer incômodos

Fim de ano é significado de festa, diversão, encontro das famílias e dos amigos. Mas esse período nem sempre é de tranquilidade. Algumas situações podem causar problemas quando o encontro não agrada a todos, especialmente se houver muito barulho e se o evento ocorrer em um condomínio. As festas podem ser amistosas ou podem resultar em encrencas, mas é preciso ter moderação tanto por conta de quem organiza e também de quem não foi convidado.

Música alta, fogos de artifício, bebida e conversas em tom elevado de voz podem formar um conjunto de ações desagradáveis. Por isso, a recomendação do presidente do Sindicato do Mercado Imobiliário do Oeste (Secovi/Oeste), Armelindo Carraro, é que se houver algum problema mais sério a primeira saída é buscar resolver a situação de forma amigável.barulho9

O dirigente explica que, de maneira geral, comportamentos inadequados em condomínios estão suscetíveis a multas ou se ocorrerem com frequência podem resultar na saída do morador barulhento do prédio. Mas é preciso tolerância nesse período de festa de fim de ano. “É um momento diferente para todos, de alegria e comemorações. No entanto, as pessoas precisam ter consciência que para tudo existe um limite”, salienta.

O código civil determina que o condômino que agir de maneira prejudicial ao sossego, salubridade e segurança dos vizinhos pagará multa. A multa é prevista no ato constitutivo ou na convenção interna do condomínio, não podendo ser superior a cinco vezes o valor das contribuições mensais, independentemente das perdas e danos que se apurarem.

Carraro esclarece ainda que a legislação não estipula diferenças de horário e limite de ruídos. Ou seja, por mais que esse período exige tolerância, as pessoas permanecem com o direito de cobrar menos barulho. “O importante é que todos tenham bom senso e mantenham limites toleráveis de ruídos, respeitando o direito dos moradores”, finaliza Carraro.

Fonte: MARCOS A. BEDIN

MB Comunicação Empresarial/Organizacional

mb@mbcomunicacao.com.br

Blog Widget by LinkWithin

Um comentário:

  1. Falta de respeito.
    Cheguei às 22:30hs, para assistir ao show mais caro que a Prefeitura de Cabo Frio pagou para os festejos de fim de ano. A Inter TV estava noticiando no jornal das 19 horas que estavam preparando o palco para essa apresentação. Saí de lá 00:15 e o show não havia começado! Uma total falta de respeito com todos que estavam ali esperando, tendo que ouvir aquele locutor babão falando bobagens o tempo todo para encher linguiça.

    A vantagem da queima de fogos na virada, é que ela precisa obedecer aos ponteiros do relógio, senão, estaríamos perdidos. O governo é tão fraco e desorganizado que não serve nem para organizar festas, nem para organizar trânsito, já que colocaram um monte de contratados para ficarem como bonecos nos cruzamentos da cidade, olhando uns para a cara dos outros. Governinho horroroso.

    Demora ridícula.........Jorge e Matheus........ai ai...

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu recado.

Recomendo

  • Projeto Valença Troca Livros - Aguardem! Em novembro! Vem aí o *"Projeto Valença Troca Livros"* Sem custo algum, apenas doação, amor. Já tenho alguns livros *livros* para serem trocados...
    Há uma semana
  • - Cheiro de Goiaba - Mais uma participação da escritora, historiadora *Urda Alice Klueger, *Comentando o seu primeiro dia de aula, na Rua da Glória antiga Escola São José, e q...
    Há 2 semanas
  • - Noite da Família no Clã! No sábado a noite (13/05) foi realizado uma noite super especial com todas as Mães e familiares do Clã, onde rolou bolos e salgad...
    Há 5 meses
  • -

Arquivo do Blog